Translate

A Mitologia Grega no contexto do jornalismo baiano. <7ª Edição>

  • Rapaz, a última pior coisa da TV baiana é o programa Se Liga Bocão. Aquele Zé Eduardo é um oportunista que vende o drama da miséria do povo da periferia e ainda tenta sair como ídolo e líder dos pobres. Seu descompromisso com um jornalismo, no mínimo, justiceiro, é zero. Ele não passa de um representante ignorante da elite burra que acha que a violência e a ladroagem se resolvem com uma boa porrada e cadeia, é o que traduz seus comentários reta-mongo-débeis (termo utilizado pela minha cunhada 14 anos)
  • No seu sanguinário jornal a equipe dá plantão em delegacias e no HGE em busca das piores notícias, encurralando, com microfones e câmeras, pessoas muito carentes em situação de sofrimento e angústias.
  • Aquele nariz de batata terrível é, sobretudo, um covarde e vendido, pois humilha diante das câmeras apenas os pobres e indefesos. Porque não vão pra porta do Hosp. Aliança? Ou porta da câmara dos vereadores?
  • Ele explora a miséria dos mais pobres de 3 formas: 1 julgando antecipadamente traficantes e ladrões com perguntas já afirmativas de que esses, antes de qualquer investigação judicial, já são os culpados, perguntas como “ta arrependido?” “O que vc iria fazer com essas armas ou drogas?” como se o cidadão já tivesse condenado; 2. estimulando ainda mais a briga entre vizinhos e familiares ao dar mais ibope; 3. Oferecendo dinheiro, compras e algumas ajudas médicas, anti-drogas, tudo pro povo choraaaaaaar, enfim.

Zé Eduardo, Zé Bin, Casemiro Neto, o cara do Na Mira (acho q o sonho dele é apresentar o programa com 2 escopetas na cintura) são verdadeiros HERMES DESGRAÇADOS!!

3 comentários:

  1. total apoio a essa postagem, esses carniceiros são crueis!
    Nota 10 pra vocês!

    ResponderExcluir
  2. Com certeza apoio em número, gênero e grau... O jornalismo de importância para a população no Brasil acabou. As “pessoas” só dão importância às tragédias e aos derramamentos de sangue. Não se importam com conteúdo de verdade, com o coletivo, com o que a população quer de verdade, que é ser informado do que está acontecendo na sua cidade, no seu bairro e no mundo. Ou seja, Não dão o mínimo de zelo às pessoas que precisam de informação. Uma verdadeira carnificina... Sou baiano e não concordo com as matérias que saem na maioria dos jornais baianos e brasileiros. Os caras ganham dinheiro com sangue dos outros. Uma vergonha! Aqui prá nós, mas se for prá ficar em uma porra de cadeira de uma redação de jornal fazendo matérias de cunho sanguinolento prá dar dinheiro para FDPs dono de jornais... Prefiro ficar em casa escrevendo no facebook e outros meios de comunicação. Tá amarrado!!!!! Aloha galera e paz de jah nos corações de vcs.

    Iran Teixeira
    igtvox@hotmail.com

    ResponderExcluir

Pense bem na M.... que tu vai escrever, caso queria uma réplica deixe seu e-mail né??